27/01/17 | 17:17
Ginástica Cerebral: uma atividade que traz benefícios em longo prazo

ARTE SITE CAMPANHA 601-403

Pegar o celular, desbloquear a tela e não lembrar o que iria fazer pode ser muito comum, mas revela que a mente está precisando se exercitar. E quando isso ocorre, os especialistas aconselham à prática de alguns exercícios para estimular o cérebro e prevenir doenças mentais e emocionais.

De acordo com a psicóloga da Secretaria Municipal de Administração, Planejamento e Gestão (Semad) Anakena Castello Branco, a ginástica cerebral estimula os dois lados do cérebro a trabalharem em conjunto: o lado direito (criatividade) e o esquerdo (lógica). “O exercício vai trabalhar a mente e todos os órgãos de sentindo do corpo”, destacou.

‘“Malhando o cérebro”

Entre os exercícios indicados pela especialista estão escovar os dentes e pentear os cabelos com a mão não dominante. Essa prática incentiva o cérebro a exercer seu lado oposto e aumenta a capacidade mental. A psicóloga afirma, ainda, que as atividades não são difíceis, mas necessitam de esforço e dedicação.

Outras práticas que podem ser realizadas são escolher um novo caminho para ir e voltar do trabalho; prestar atenção nos sons dos instrumentos musicais; soletrar palavras na forma invertida; montar quebra-cabeças, entre outras.

Além de estimular o cérebro, essas atividades ajudam na socialização dos indivíduos, colaborando para o crescimento pessoal e profissional. “Essa atividade gera resultados positivos como facilitar compreensão, organização e comunicação”, finalizou a especialista.

Janeiro Branco

Desde 2014, a campanha Janeiro Branco busca incentivar as pessoas a cuidarem da mente e do emocional na mesma proporção que cuidam da saúde física. O movimento visa os cuidados com o cérebro para prevenir doenças mentais e melhorar a capacidade intelectual do indivíduo.

Texto: Milena Soares